Estudantes da rede pública de Sobral participam do planejamento da ‘Cidade Educadora’


Com o objetivo de construir a Cidade Educadora, a Prefeitura de Sobral e a Fundação Itaú Social promoveram, nesta quinta-feira (24), uma reunião com estudantes da rede pública de ensino para a formatação do Plano de Integração das Políticas Públicas para a Juventude. Realizado na Escola de Cultura, Comunicação, Ofícios e Artes (Ecoa), o encontro foi direcionado para ouvir os alunos e disseminar o sentido de educação nas esferas formal, informal e não formal.

“Essa Cidade [Educadora], apesar de ter a educação como foco, não é uma proposta de reorganização do projeto escolar, mas sim do estilo de vida das pessoas, que podem e devem ter uma atitude educada nos relacionamentos e na interação com os espaços públicos”, explicou o articulador do encontro, Thales Andrade.

Durante a reunião, os participantes, divididos em grupos, apontaram os desafios e potencialidades, a partir do conceito de educação. Para a estudante Jacqueline Silva, “Não adianta pensar que educação é um termo utilizado apenas nas escolas ou dentro de casa. Essa visão deve ser expandida para a rua, para a cidade”.