Em Brasília | Prefeito Veveu Arruda acompanha andamento dos projetos do PAC Cidades Históricas



Para acompanhar o andamento dos projetos de Sobral no PAC Cidades Históricas, o prefeito Veveu Arruda esteve reunido, nesta quinta-feira (1º), em Brasília, com a presidente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), Jurema Machado; o diretor do PAC Cidades Históricas, Robson de Almeida, e a superintendente do IPHAN no Ceará, Diva Figueredo, acompanhado do secretário de Infraestrutura do Estado do Ceará, André Facó, e da secretária adjunta de Relações Institucionais do Governo do Estado do Ceará, Luciana da Mata.


Como resultado do encontro, será feito aditivo de prazo no projeto. “A reunião foi muito positiva. Temos em Sobral o maior e mais arrojado projeto em execução no Brasil, considerando o conjunto de obras do Sobral Novo Centro, que dará uma melhoria significativa na qualidade urbana do Centro da cidade de Sobral e na qualidade de vida da nossa população”, avaliou o Prefeito.

O PAC Cidades Históricas visa conservar imóveis tombados, promovendo o patrimônio cultural e o desenvolvimento econômico e social. Sobral tem 13 projetos aprovados no PAC Cidades Históricas, como a sinalização turística do Sítio Histórico e restauro de prédios como o Museu Dom José, Museu MADI, Museu do Eclipse, Igreja e a Praça do Menino Deus e Igreja das Dores, entre outros.

Sobral Novo Centro



Dentro do Projeto Sobral Novo Centro, já foi concluída a primeira etapa da troca do pavimento, qualificação das calçadas e inauguradas as Praças do Patrocínio, do Bosque e do Amor. Estão em andamento, a instalação da sinalização turística; a requalificação das praças Senador Figueira (Praça do Antigo Fórum) e Samuel Pontes (Praça João Pessoa), ambas com 25% dos serviços executados; e a requalificação da Praça Cel. Manuel Arthur da Frota (Praça da Várzea), com 60% das obras concluídas. Também serão restaurados o Teatro Apolo, Museu Dom José, Museu MADI, Museu do Eclipse, Igreja e Praça do Menino Deus, Igreja das Dores, entre outros.

Idealizado pelo prefeito Veveu Arruda, quando era secretário de Cultura do Município, o ‘Sobral Novo Centro’ é o maior projeto de requalificação de Centro Histórico em execução no Brasil, abrangendo uma área de 27 hectares tombada pelo IPHAN. Com recursos do Governo Municipal, Estadual, Federal e do Banco Interamericano do Desenvolvimento (BID), está sendo substituída a pavimentação asfáltica por blocos de concreto intertravados, nas principais ruas do centro; alargadas, retificadas e padronizadas as caçadas, com acessibilidade para cadeirantes e deficientes visuais; internalizada toda a fiação elétrica, telefônica e lógica; padronizadas a sinalização e iluminação, com instalação de luminárias em estilo colonial e mobiliário urbano; além da requalificação de praça e prédio histórico.