Pela 1ª vez | Alunos de escola municipal de Sobral participam da Olimpíada Cearense de Matemática


Promovida pelo Departamento de Matemática da Universidade Federal do Ceará (UFC), no último domingo (4), a Olimpíada Cearense de Matemática teve a participação de 33 alunos do Colégio Sobralense de Tempo Integral Maria Dorilene Arruda Aragão. Os estudantes realizaram a prova da competição no  Campus Mucambinho, da UFC.

No primeiro Colégio Sobralense de Tempo Integral, cerca de 40 alunos compõem a Turma Olímpica, que conta com preparação intensiva para as diversas olimpíadas. “Montamos grupos de estudos, clubes juvenis, oferecemos disciplina eletiva voltadas para as olimpíadas e aulões aos sábados, com banco de questões de olimpíadas regionais, nacionais e internacionais. Os alunos participam de olimpíadas internas para fazermos nossa própria seleção e os professores abraçam a causa, trabalhando à noite, aos finais de semana e até nas férias”, explicou o diretor do Colégio, Pedro Grandson.

Os resultados positivos alcançado pelos alunos trazem oportunidades, como bolsas de estudo para iniciação à pesquisa científica, e mudança de vida para os estudantes. “A valorização e o reconhecimento dentro da escolha como alunos de sucesso e isso tem trazido mudança de vida para essas crianças e serve como incentivo para os demais”, disse Pedro Grandson.



Antes dominadas pelas escolas privadas, boa parte das medalhas em Olimpíadas começam a ser conquistadas por alunos de escolas públicas de Sobral. “Já estamos tendo resultados melhores que escolas particulares do Município. Por exemplo, no concurso internacional Canguru de Matemática, os nossos alunos conquistaram 20 medalhas, enquanto escolas particulares do Município tiveram 7 e 8 medalhas. E na Olimpíada Brasileira de Matemática, o Dorilene Arruda teve as únicas duas medalhas do interior do Estado”, comemorou o diretor do Colégio Sobralense de Tempo Integral.