Aluna do Colégio Sobralense de Tempo Integral é premiada na Olimpíada Cearense de Matemática


Vanessa Carvalho do Nascimento é a única aluna de escola pública não seletiva premiada na Olimpíada Cearense de Matemática (OCM). A aluna do Colégio Sobralense de Tempo Integral Maria Dorilene Arruda Aragão também é a única do interior do Estado premiada na competição e receberá menção honrosa no nível II (8º e 9º ano), entre os 19 melhores do Ceará. “Eu não acreditava que poderia, mas vocês me fizeram acreditar. Devo muito a todos os meus professores por me mostrarem que sonhar alto é possível. Orgulho de ser aluna do Colégio Sobralense de Tempo Integral”, disse Vanessa Carvalho.


Considerada uma das mais difíceis competições de matemática, a Olimpíada Cearense de Matemática é promovida pelo Departamento de Matemática da Universidade Federal do Ceará (UFC) e premiou alunos das melhores escolas particulares do Ceará. 

O diretor do Colégio Sobralense de Tempo Integral, Pedro Grandson, fala da alegria de ter uma aluna premiada entre os 19 melhores do Estado. “Ter um de nossos alunos entre os melhores do Ceará não é pouca coisa, sobretudo, se considerarmos que dentre os premiados Vanessa Carvalho é a única do interior, a única de escola pública não seletiva, pra gente é incrível esse resultado. Esse é o padrão sobralense de Escola em Tempo Integral. É apenas mais um dos bons resultados que o Maria Dorilene vem tendo em diversas olimpíadas nacionais e estaduais”.



Criado pelo prefeito Veveu, em 2014, o Colégio Sobralense de Tempo Integral Maria Dorilene Arruda Aragão, no Complexo Monsenhor Aloísio, tem conquistado excelentes resultados em várias competições, como Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (67 medalhas); no concurso internacional Canguru de Matemática, na qual conquistou 20 medalhas; e o aluno Wendel Manfrine premiado entre os 30 melhores do País na Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep) 2014.