Estudantes africanos realizam aula de campo na reserva ambiental ‘Pedra da Andorinha’


Como forma de disseminar o trabalho realizado pelo Refúgio de Vida Silvestre ‘Pedra da Andorinha’, na última sexta-feira (7), a Unidade de Conservação recebeu a visita técnica de alunos da Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA), vindos de Guiné-Bissau, na África. A aula de campo teve o objetivo de apresentar aos estudantes a diversidade da fauna e flora da região.


A vinda de estudantes estrangeiros para a reserva ambiental é mais uma oportunidade de ambos proporcionarmos conhecimento sobre as nossas diversas culturas e naturezas. Os jovens guineenses ficaram encantados com o nosso meio ambiente e com a nossa riqueza sustentável. Tenho certeza que a Pedra da Andorinha será tema de vários projetos de pesquisa mundo à fora”, ressaltou o gestor da reserva, Francisco Ávila.

A Unidade de Conservação ‘Pedra da Andorinha’, que teve seu plano de manejo iniciado em maio de 2015, é localizada no distrito de Taperuaba, cerca de 70 quilômetros da sede de Sobral, e é a única reserva ambiental do Ceará de refúgio de vida silvestre de proteção integral.