Produção de leite na Região Norte do Estado foi tema de Seminário realizado em Sobral


Aconteceu nos dias 22 e 23 de janeiro o Seminário de Produção de Leite da Região Norte, que reuniu pequenos e médios pecuaristas, além de agricultores familiares, agrônomos, profissionais da área e acadêmicos do Curso de Zootecnia da Universidade Estadual Vale do Acaraú. O evento, realizado no Parque de Exposições João Passos Dias, foi uma realização da Prefeitura de Sobral, através da Secretaria da Agricultura e Pecuária (Seagri), em parceria com a Associação dos Criadores da Zona Norte do Estado do Ceará (ACNEC).

Esse evento é de extrema importância, principalmente agora que começamos 2016 com uma boa expectativa”, ressaltou a titular da Seagri, Luiza Barreto. “O trabalho feito aqui fortalece a cadeia produtiva desse derivado ampliando a economia local. É uma grande oportunidade para se pensar em como produzir mais nesse período de chuva e garantir o sustento dos animais, trabalhando a questão da genética e do manejo

Na programação do encontro, aconteceram apresentações sobre produção de palma forrageira adensada e irrigada, fracionamento de palma forrageira para o plantio, linhas de crédito agropecuário, produção de sorgo e outras forrageiras para silagem, sistema de irrigação para pequenas propriedades rurais, além da visita técnica ao plantio de palma adensada irrigada e a apresentação do projeto de tanques de resfriamento de leite desenvolvido pela Seagri.

Além da Seagri e da ACNEC, o evento contou com a parceria do Banco do Nordeste do Brasil (BNB), da M&E consultoria, da Empresa de Assistência Técnica de Extensão Rural do Ceará (Ematerce), do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Ceará (FAEC).

Tanques de Resfriamento

A Secretaria da Agricultura e Pecuária de Sobral vem desenvolvendo projetos de apoio aos Arranjos Produtivos Locais, como a Bovinocultura de Leite. Dentre estes projetos se destaca o de tanques de resfriamento de leite, desenvolvido no Município desde 2014.

São dez tanques de resfriamento de leite instalados nos distritos de Aracatiaçu, Caracará, Patos e Jaibaras que atendem a 135 produtores, continuamente acompanhados pelos técnicos da Seagri.